20.8 C
Nova Iorque
quarta-feira, agosto 17, 2022

Rodoviários protestam em Lauro de Freitas contra assaltos e sequestros de veículos

Rodoviários protestam em Lauro de Freitas contra assaltos e sequestros de veículos



Ônibus parados na Estrada do Coco: segundo rodoviários, em uma semana, 25 veículos foram sequestrados por bandidos | Foto: Natally Aciolio / G1

Rodoviários do transporte coletivo metropolitano pararam os serviços e fazem uma manifestação na BA-099 (Estrada do Coco), trecho de Lauro de Freitas, no sentido Salvador, na manhã desta terça-feira (6/9).

Os manifestantes informaram que reivindicam mais segurança. Os trabalhadores alegam que estão sendo sequestrados e levados, juntamente com os ônibus, para a região do CIA.

De acordo com informações da prefeitura de Lauro de Freitas, por conta do protesto, a retenção no fluxo de veículos atingiu o Km 7,5 da Estrada do Coco para quem tentava seguir em direção à capital durante a manhã.

Por volta das 11h40, segundo o portal G1, os coletivos estavam enfileirados na pista da direita, deixando duas outras faixas livres para a passagem dos carros em direção a Salvador. Neste horário, o trânsito já estava tranquilo no sentido capital baiana.

Como reflexo da situação, por volta das 11h30, os condutores encontravam trânsito lento na Avenida Paralela, na região do aeroporto de Salvador, no sentido Lauro de Freitas.

Por meio de comunicado, a Secretaria da Segurança Pública (SSP) informou que, entre as ações adotadas para a diminuição de crimes contra coletivos, está a criação do Comitê Integrado de Defesa do Transporte Rodoviário.

Confira a nota na íntegra:

“A Secretaria da Segurança Pública não tem medido esforços para reduzir o número de assaltos a ônibus em Salvador e Região Metropolitana. Entre as ações adotadas para a diminuição de crimes contra coletivos está a criação do Comitê Integrado de Defesa do Transporte Rodoviário.

O grupo reúne, uma vez por mês, representantes da SSP, incluindo as polícias Militar e Civil, do Sindicato dos Rodoviários da Bahia, do Ministério Público, Tribunal de Justiça, da Defensoria Pública, Sindicato de Empresas de Transporte de Passageiros de Salvador (Setps) e da Prefeitura de Salvador para discutir iniciativas práticas de cada instituição envolvida no processo que resultem na maior proteção do sistema de transporte coletivo.

A SSP entende que é de suma importância a participação do Sindicato dos Rodoviários Metropolitanos no comitê, para que as discussões sobre a segurança dos profissionais sejam mais amplas e apresentem resultados efetivos. “Paralisar as atividades sem nenhuma comunicação prévia não ajuda a resolver o problema, apenas promove prejuízos àqueles que mais precisam”, afirmou o secretário Maurício Teles Barbosa.

Com reuniões realizadas no Centro de Operações e Inteligência, o comitê já definiu importantes avanços que visam a dar maior proteção aos profissionais e usuários do sistema de transporte público.

Barbosa também chamou a atenção para os resultados dos trabalhos das polícias que culminaram no grande número de presos este ano por participação neste tipo de crime. Só até o final do mês de julho, cerca de 250 pessoas foram capturadas, média de uma prisão por dia. As ações policiais também resultaram na redução dos assaltos a ônibus em Salvador de janeiro a julho em 11% em 2016.”

Leave your vote

0 points

Upvote
Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%



comentários

Artigos relacionados

Stay Connected

0FãsCurtir
3,434SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever
- Advertisement -spot_img

Artigos Mais Recentes