19.2 C
Nova Iorque
terça-feira, agosto 16, 2022

Rio Supera O Osasco E Fofao Se Despede Da Superliga Com Titulo

Rio supera o Osasco e Fofão se despede da Superliga feminina de vôlei com título

A final da Superliga feminina de Vôlei que aconteceu neste domingo (26/4) teve um gostinho especial para experiente levantadora Fofão. A jogadora fez sua despedidas das quadras brasileiras jogando pelo Rio de Janeiro (Rexona-Ades), do técnico Bernardinho, e venceu o Osasco (Molico/Nestlé) por 3 sets a 0. Apesar da despedida, Fofão só se aposentará do esporte no final da temporada porque o Rio ainda tem pela frente o Campeonato Mundial de Clubes, na Suíça.

Com 45 anos e dona de três medalhas olímpicas, ela se emocionou no término da partida. “Isso daqui é muita emoção. Foi melhor do que que planejei, melhor do que imaginava. Sou muito feliz”, disse Fofão à TV Globo. Considerada uma das melhores levantadoras da história, Fofão também foi reverenciada por Bernardinho, que também atuou como levantador em sua carreira de atleta. “Espero que a Fofão não se afaste do vôlei para continuar passando a experiência que ela tem. Merece uma menção especial ela fechar da maneira que deveria”, afirmou o treinador.

No pódio, ela recebeu um buquê de flores mãos da mãe Eurides de Souza, além de uma placa do presidente da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), Walter Pitombo Laranjeiras. Ela ainda levou o prêmio de melhor jogadora em quadra nesta final, entregue pelo craque do vôlei de praia Emanuel.

Foto: Alexandre Arruda / CBV / Divulgação

O JOGO- O adversário desta final não era inesperado, mas o desempenho em quadra é que chocou. Ao contrário do que se esperava, o Rio de Janeiro conseguiu passar fácil pelo Osasco em 3 sets diretos e sem grandes sustos. No primeiro set, o Rio de Janeiro chegou com força total e abriu grande vantagem no marcador. Depois de se desconcentrar e permitir uma reação do adversário, o time ainda conseguiu vencer por 25/21.

Apesar de chegar no segundo set um pouco melhor, com a cubana Carcáces aparecendo mais, o Osasco não conseguiu superar a superioridade do Rio e permitiu ao rival fazer 25/23 e se aproximar da conquista. Precisando vencer para se manter na briga, a equipe comandada por Luizomar de Moura voltou melhor e se destacou em momentos especiais do terceiro set. Thaísa começou a aparecer mais e na primeira parada técnica a vantagem era de 8 a 5.

Foto: Alexandre Arruda / CBV / Divulgação

Com Natália cometendo vários erros, Fofão passou a recorrer a jovem Gabi. Inspirada, a jovem ponteira da Seleção Brasileira recolocou o Rio com vantagem de 16 a 15. Inconstante, as duas equipes passaram a se revesar entre erros e acertos. Mas foi com Gabi e Fabi que o Rio conseguiu retomar a tranquilidade e garantir a vitória no final do terceiro set.

comentários

Postado em: 27/04/2015 – 17:01

10 comments

  1. Pingback: Blue Coaster33

  2. Pingback: best online casinos

  3. Pingback: Assfuck in the studio with a black stunner india

  4. Pingback: TV options for restaurants

  5. Pingback: Direct TV

  6. Pingback: parking

  7. Pingback: xnxx

  8. Pingback: laan penge online nu

  9. Pingback: alkaline water benefits

  10. Pingback: car parking

Deixar uma resposta

Artigos relacionados

Stay Connected

0FãsCurtir
3,434SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever
- Advertisement -spot_img

Artigos Mais Recentes