20.8 C
Nova Iorque
quarta-feira, agosto 17, 2022

Policial é baleada na testa durante assalto a posto de saúde em Pituaçu




Policial é baleada na testa durante assalto a posto de saúde em Pituaçu



A policial militar Dulceneide Bernadete de Souza foi baleada na testa na manhã desta segunda-feira (16) durante um assalto à Unidade Básica de Saúde Pituaçu. O crime aconteceu por volta das 9h30, no posto de saúde que fica na Avenida Netuno. Cinco bandidos participaram da ação.

Segundo a polícia, dois homens armados chegaram no local em um Ford Ka branco, roubado na última sexta-feira (13) no bairro de Patamares, e anunciaram o roubo. Outros três suspeitos ficaram espalhados pela rua dando cobertura aos comparsas. O soldado da PM Edmilson, que trabalha no posto, foi abordado pelos bandidos, algemado e colocado em uma sala de vacinação anti-rábica. A PM Dulceneide estava no banheiro e, ao sair, foi baleada por um dos suspeitos. O tiro atingiu ela na testa.

Antes de fugir, o trio voltou à sala onde estava o PM e fez dois disparos, mas nenhum atingiu o policial. Os bandidos fugiram no mesmo carro que chegaram ao local levando as duas armas dos policiais, um iPhone e a carteira do soldado.

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram encaminhadas ao local, mas, por conta da gravidade do ferimento da policial, um helicóptero do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer) foi acionado para encaminhar Dulceneide para o Hospital do Subúrbio, onde passa por cirurgia. O estado de saúde dela não foi divulgado.

Policiais da 39ª Companhia Independente da Polícia Militar (Boca do Rio), com o apoio da Companhia Independente de Policiamento Tático(CIPT – A)/ Rondesp Atlântico fizeram buscas pela região, mas não localizaram os suspeitos.

A Polícia Civil foi encaminhada à unidade de saúde onde aconteceu o crime para fazer perícia. “Podemos verificar evidências de quatro disparos. Dois atingiram a parede do setor de vacinação anti-rábica e dois atingiram a parede e a janela da recepção”, comentou a perito criminal Carla Camacan.

Os funcionários e o soldado que foi atacado pelos bandidos estão sendo ouvidos no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Em nota, a Secretaria da Segurança Pública informou que já determinou as buscas dos suspeitos.

“A Pfem foi atingida enquanto trabalhava no Posto de Saúde do bairro de Pituaçu, além de ter a arma levada pelos bandidos. A SSP se solidariza com a família da vítima e não vai medir esforços para identificar e prender os autores da ação criminosa”, diz nota. As informações são do Correio.



comentários


Comments ( 1 )


Leave a Comment

 


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


Artigos relacionados

Stay Connected

0FãsCurtir
3,434SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever
- Advertisement -spot_img

Artigos Mais Recentes