Faça esse teste e descubra se você é uma pessoa viciada em Porografia

Antes da internet, a pornografia era muito mais restrita, e as pessoas podiam comprar seus próprios vídeos ou entrar nas salinhas constrangedoras das videolocadoras, aquelas com uma cortina e que eram exclusivas de clientes com mais de 18 anos.

Hoje, em compensação, conteúdos pornográficos de todos os estilos estão disponíveis com imensa facilidade, e isso é preocupante em alguns aspectos: primeiro no que diz respeito à imagem inadequada que os jovens acabam tendo sobre sexo (dica: não é nada daquilo que se vê nos filmes), e segundo que esse fácil acesso acaba criando pessoas realmente viciadas em pornografia.

O vício, no caso, é aquilo que se torna compulsivo, urgente e que acaba se sobrepondo a outras tarefas. É quando a pessoa deixa de sair com os amigos para poder ficar em casa vendo pornografia, por exemplo.

Teste

Pesquisadores da Universidade Eötvös Loránd, na Hungria, abordaram essa questão do vício em pornografia e criaram uma escala para conseguir identificar o problema mais facilmente. A ideia é deixar claro que o consumo ocasional de pornografia não é um problema, mas que quando isso se torna um vício, a pessoa acaba tendo problemas em seus relacionamentos românticos, profissionais, familiares e por aí vai. Em alguns casos, inclusive, é preciso buscar ajuda médica e psicológica – diagnosticar o vício é, então, o primeiro passo.

Para saber se você viciou em conteúdo pornográfico ou não, analise as informações a seguir e pontue cada uma delas conforme a seguinte escala: 1: nunca; 2: raramente; 3: ocasionalmente; 4: algumas vezes; 5: frequentemente; 6: com muita frequência; 7: todo o tempo.

  • Eu sinto que a pornografia é uma parte importante da minha vida
  • Eu uso a pornografia para restaurar a tranquilidade dos meus sentimentos
  • Eu acho que a pornografia causa problemas na minha vida sexual
  • Eu sinto que eu tenho que assistir mais e mais pornografia para me satisfazer
  • Eu já tentei, sem sucesso, reduzir a quantidade de pornografia que assisto
  • Eu fico estressado quando alguma coisa me impede de assistir pornografia
  • Eu penso sobre o quão bom seria assistir pornografia
  • Assistir pornografia me ajuda a me livrar dos meus sentimentos negativos
  • Assistir pornografia me impede de mostrar o que há de melhor em mim
  • Sinto que preciso de mais e mais pornografia para satisfazer minhas necessidades
  • Quando eu decido não assistir mais pornografia, eu só consigo fazer isso por um curto período de tempo
  • Eu fico agitado quando não consigo ver pornografia
  • Eu alivio minhas tensões vendo pornografia
  • Eu não participo de outras atividades de lazer porque assisto pornografia
  • Eu gradualmente comecei a assistir mais pornô extremo porque o pornô que eu assistia antes era menos satisfatório
  • Eu resisto a assistir pornografia por apenas um pouco de tempo antes de ceder
  • Eu sinto muita falta de ver pornografia quando fico um tempo sem assistir

De acordo com os pesquisadores, uma pontuação somatória de 76 ou mais indica que há problemas em relação ao consumo de pornografia. Essa escala foi criada com base nas respostas de 772 pessoas, entre homens e mulheres – desse total, 3,6% estavam no grupo de risco.

Se você acha que esse tipo de conteúdo está atrapalhando a sua vida de alguma maneira, não tenha vergonha e procure ajuda médica e psicológica.

 

Com informações do MegaCurioso

Leave your vote

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

comentários

Hey there!

Forgot password?

Forgot your password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Close
of

Processing files…