Alcolumbre pode adiar sabatina de Mendonça para 2022 e inviabilizar indicação de Bolsonaro ao STF

Yahoo – Após ser atacado pelo presidente Jair Bolsonaro, o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) deve adiar ainda mais a sabatina de André Mendonça para o Supremo Tribunal Federal (STF) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Como daqui a dois meses o Congresso entra em recesso, a aprovação do indicado por Bolsonaro deve ficar para o ano que vem. Uma das apostas é que o ano eleitoral inviabilize de vez o nome de Mendonça.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *