ter. out 27th, 2020

Comunica Bahia

Sua fonte de notícias

Praia de Piatã continuará interditada por mais sete dias

A partir desta quarta-feira (7), as praias de Boa Viagem e Cantagalo, de segunda a sexta-feira, e de Amaralina, de terça a sexta-feira, voltarão a ter o acesso liberado ao público. A interdição prosseguirá por mais sete dias na praia de Piatã, por ainda registrar episódios de aglomeração no fim de semana, mesmo com a proibição do uso. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (5) pelo prefeito ACM Neto, durante assinatura da ordem de serviço para reconstrução do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Lírio do Vale, no Vale dos Lagos.

“Tivemos um fim de semana de relativa tranquilidade nas praias, um sábado considerado exemplar com pouquíssimos casos. Ontem tivemos um probleminha maior na região de Piatã e Itapuã, mas, em geral, as coisas foram mais tranquilas do que no fim de semana anterior, deixando uma mensagem positiva para que possamos avançar nas ações”, avaliou ACM Neto.

O prefeito ainda avaliou a situação da Covid-19 em Salvador, que apresentou aumento da média móvel em 10% no número de casos na semana passada, o que reforça a necessidade das pessoas seguirem os protocolos sanitários. . “Não é nada que deva nos assustar, mas deve nos colocar em observação, acendendo a luz amarela a todos nós. Vemos através do noticiário internacional a França fechar bares, a Espanha decretar lockdown e os Estados Unidos registrar aumento do número de casos. Tudo isso serve para reforçar a nossa atenção e preocupação”.

Outro apelo é para que as pessoas continuem usando a máscara ao sair de casa. “O que mais me preocupa é ver muita gente sem máscara na rua, em todos os cantos. Uma sensação de relaxamento que é natural depois de tanto tempo, mas é necessário ver o que está acontecendo lá fora, em outros países. A pior coisa para a gente seria ter que retroceder ao que já conquistamos”, alertou ACM Neto.

Fiscalização – A Guarda Civil Municipal (GCM) atuou com efetivo reforçado para a fiscalização na orla de Salvador, no final de semana. Cerca de 160 agentes municipais estiveram presentes em mais 60km de litoral, fazendo um trabalho para conscientizar a população sobre impossibilidade do uso das praias, que seguem interditadas aos sábados, domingos e feriados.

No entanto, houve algumas situações de desrespeito ao decreto municipal. Embora o trabalho da Guarda seja o de orientação e conscientização, quatro pessoas tiveram que ser conduzidas para a delegacia após desacatar agentes que estavam cumprindo seu papel. Duas ocorrências foram registradas em Amaralina e outras duas em Cantagalo, na Cidade Baixa.

A fiscalização para monitorar o acesso às praias da capital baiana integra a operação “Devagar, Devagarinho” e conta ainda com o suporte de mais de 30 viaturas, duas bases móveis, motocicletas e quadriciclos.

A ação também conta com apoio de fiscais da Secretaria de Ordem Pública (Semop), Coordenadoria de Salvamento Marítimo de Salvador (Salvamar), além de Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador), Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) e Polícia Militar

Apesar das quatro conduções, o sábado (3) nas praias da capital foi considerado bastante tranquilo, como ressaltou ACM Neto. A população se mostrou colaborativa, e diversos banhistas e frequentadores atenderam de imediato a solicitação dos agentes para deixar a faixa de areia. Situação similar aconteceu no domingo (4), apesar da Guarda ter tido mais trabalho neste dia. A fiscalização conseguiu manter as praias controladas, sendo necessário reforçar as equipes apenas no final de tarde.

Funcionamento – Vale lembrar que as praias do Buracão e Paciência, no Rio Vermelho, bem como a do Porto da Barra, seguem sem permissão de acesso mesmo nos dias úteis e ainda sem previsão de reabertura.

Já as praias de São Tomé de Paripe, Tubarão, Ribeira e Itapuã continuam podendo receber banhistas de terça a sexta (isso porque elas costumam ser muito procuradas às segundas) e a utilização das demais que não estão interditadas está autorizada de segunda a sexta, em horários livres e com exceção sempre de feriados.