Obrigado Professor, mais do que uma profissão é um sacerdócio

Quem é aquele  que planta com excelência

A semente da informação no solo arredio

E a rega com todo cuidado e paciência

Com a determinação de um homem bravio?

Que prepara o terreno do conhecimento

Para a profícua semeadura

Que orienta o exercício do ensinamento

O uso do saber e da cultura

A sua nobre profissão

É a argamassa do futuro

É a esperança que se lança

Por cima do muro obscuro

E ilumina  a escuridão

Do jovem, idoso e criança

Eles mais que informarem

São mestres em formarem

Uma nova geração especial

Com o seu continuo aprendizado

Que ultrapassa o certo e o errado

Pois também se faz necessário

Oferecer um esteio moral

Tem mais nobre das missões

Educar e encaminhar gerações

Pelas suas mãos tão cansadas

Seja do giz ou do atômico pincel

ou corrigindo as provas no papel

com suas vozes desgastadas

De falar, pedindo um mínimo de atenção

Para a turma em plena insubordinação

Mas apesar das dificuldades

Da realidade desigual

De viver com o salário achatado

No município ou no Estado

E até na esfera Federal

Os valores profissionais

Se enchem de honra e valor

E com muita dignidade

Com garra e destemor

Dos verdadeiros imortais

Tem orgulho de ser professor!

 

Leonardo do Eirado Silva Gonçalves 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *